Você sabe o que é a Bordetella?

Você sabe o que é a Bordetella?

O termo Bordetella faz referência a um grupo de 3 bactérias patogênicas:

Bordetella pertussis - Bordetella parapertussis - Bordetella bronchiseptica

Estas bactérias podem afetar também o ser humano e outros animais como as ovelhas, no entanto, a Bordetella bronchiseptica é muito rara em humanos mas se for a causadora de patologias em cães, neste caso, a infecção por esta bactéria manifesta-se através de uma doença conhecida como tosse dos canis.

Devemos mencionar que além da bactéria Bordetella bronchiseptica, o vírus da Parainfluenza canina e o Adenovírus canino tipo 2 também se associam ao aparecimento desta doenças.

A Bordetella é uma bactéria altamente contagiosa que se transmite por contacto direto ou através do ar, causando verdadeiros surtos nos lugares onde os cães vivem amontoados, como os canis ou os refúgios, daí o nome popular como se conhece a patologia causada pela Bordetella.

Em um cachorro saudável, a Bordetella pode manifestar-se simplesmente com tosse, por outro lado, em um filhote, a doença causada por esta bactéria pode chegar a ser mortal.

Sintomas de infecção por Bordetella em cães

A bactéria Bordetella causa uma traqueobronquite infecciosa canina, que é o termo médico utilizado para se referir à tosse dos canis.

Quando um cão está infectado por este agente patogênico produz-se uma manifestação que afeta principalmente o aparelho respiratório e podemos observar no cachorro afetado os seguintes sintomas:Tosse persistente, Arcadas, vômitos, Perda de apetite, Febre, Letargia, Expectoração de secreções respiratórias

A presença de um ou vários destes sintomas deve alertar-nos e devemos tentar que o cão afetado tenha assistência veterinária o quando antes, igualmente importante é que se proceda ao isolamento do cão afetado, caso contrário, a bactéria pode propagar-se de uma forma muito fácil.

Tratamento da Bordetella em cães

Durante o tratamento o cachorro deverá permanecer isolado. Este tratamento será feito através de fármacos antibióticos para combater a colonização da bactéria e de fármacos anti-inflamatórios que ajudam a diminuir os tecidos inflamados do trato respiratório.

Uma adequada hidratação e nutrição são também fatores imprescindíveis para que o tratamento conta a Bordetella seja eficaz e o cão possa se recuperar sem nenhum inconveniente.

Vacina canina contra a Bordetella

A partir das 3 semanas de vida, um cachorro pode ser vacinado contra a Bordetella, no entanto, a distribuição desta vacina não é tão ampla como em outros casos e em algumas zonas geográficas pode não ser encontrada. A vacina pode ser administrada via subcutânea ou nasal, o veterinário pode aconselhar você sobre qual é a melhor opção.

A renovação desta vacina é anual ou semestral no caso de alguns cães adultos, e nem todos os cães precisam dela, sendo especialmente indicada para quando o nosso pet vai conviver com vários cães.

Fonte: Perito Animal

https://www.peritoanimal.com.br/bordetella-em-caes-sintomas-e-tratamento-21997.html



Voltar

Dicas/Artigos recentes

01/09/2018 - Alergias comuns em Cães na Primavera
[Leia +]
27/07/2018 - D-Manose: Suplemento nutricional doce para garantir a saúde de seu pet
[Leia +]
22/02/2018 - As vitaminas ajudam o corpo a funcionar corretamente, sendo indispensáveis se deseja uma saúde boa para o pet
[Leia +]